Queima de transformador da Cemig, provoca caos em 5 cidades do Jequitinhonha - FDV

Agora ->

Vídeos

14/12/2016

Queima de transformador da Cemig, provoca caos em 5 cidades do Jequitinhonha

Um apagão que durou mais de 30 horas, deixou sem luz milhares de moradores das cidades de Araçuai, Coronel Murta, Virgem da Lapa, Jenipapo de Minas e Itinga, no Médio Vale do Jequitinhonha.

O problema começou às 6h34min de segunda-feira (12) e só foi solucionado no início da tarde desta terça-feira (13). 

A Cemig informou que a causa foi a queima de um transformador na subestação de Araçuai 1, cidade mais prejudicada.

Técnicos da empresa trabalharam para reparar o problema desde o início da manhã. 

“O caos foi total”, afirmou uma atendente do hospital São Vicente de Paula, em Araçuai. A instituição possui gerador próprio que atendeu apenas setores emergenciais. O comércio foi o mais afetado. Lojas, supermercados, mercearias e açougues fecharam as portas logo que foi anunciado que o problema só seria resolvido no dia seguinte.

Um posto de gasolina da região central atendeu os clientes usando um gerador da empresa.


As áreas urbanas de Coronel Murta, Virgem da Lapa, Jenipapo de Minas foram normalizadas na manhã de terça-feira e de Itinga, ainda na segunda-feira.

Em nota, a Cemig informou que quatro Unidades de Geração e Transmissão Móvel – UGTM foram deslocadas para atender os principais pontos da cidade de Araçuaí: hospital, delegacia de polícia, fórum, prefeitura e bancos.

 Para normalizar  o sistema, foi necessário trazer o equipamento de Belo Horizonte. Devido às chuvas que afetaram as condições das estradas, o caminhão que transportava o equipamento ficou preso por cerca de 4 horas na estrada da cidade de Berilo, atrasando o restabelecimento.

O fornecimento foi normalizado nesta terça-feira, por volta de 14h.

 A causa da queima do equipamento está em apuração.

Compensação

Ainda na nota divulgada à imprensa, a Cemig ressalta que automaticamente cada cliente prejudicado pela falta de energia será compensado na conta de energia nos próximos 60 dias pelo período que ficou sem energia, conforme determina a Agência Nacional de Energia Elétrica  (Aneel), órgão regulador do sistema elétrico brasileiro.

Em caso de dúvidas, os consumidores podem entrar em contato com a Companhia por meio dos canais de atendimentos, como o aplicativo Cemig Atende, Agência Virtual no site da Empresa, telefone 116 na agência ou rede Cemig Fácil de cada cidade.

Prejuízos

Indignados, comerciantes da região, principalmente donos de supermercados, açougues e lanchonetes, registraram na polícia, boletins de ocorrência, sobre os prejuízos. Eles pretendem entrar na Justiça contra a empresa.

A Cemig não quis comentar o assunto.

O fornecimento foi normalizado nesta terça-feira, por volta de 14h.

 A causa da queima do equipamento está em apuração.

Compensação

Ainda na nota divulgada à imprensa, a Cemig ressalta que automaticamente cada cliente prejudicado pela falta de energia será compensado na conta de energia nos próximos 60 dias pelo período que ficou sem energia, conforme determina a Agência Nacional de Energia Elétrica  (Aneel), órgão regulador do sistema elétrico brasileiro.

Em caso de dúvidas, os consumidores podem entrar em contato com a Companhia por meio dos canais de atendimentos, como o aplicativo Cemig Atende, Agência Virtual no site da Empresa, telefone 116 na agência ou rede Cemig Fácil de cada cidade.

Prejuízos

Indignados, comerciantes da região, principalmente donos de supermercados, açougues e lanchonetes, registraram na polícia, boletins de ocorrência, sobre os prejuízos. Eles pretendem entrar na Justiça contra a empresa.

A Cemig não quis comentar o assunto.
 O fornecimento foi normalizado nesta terça-feira, por volta de 14h.

 A causa da queima do equipamento está em apuração.

Compensação

Ainda na nota divulgada à imprensa, a Cemig ressalta que automaticamente cada cliente prejudicado pela falta de energia será compensado na conta de energia nos próximos 60 dias pelo período que ficou sem energia, conforme determina a Agência Nacional de Energia Elétrica  (Aneel), órgão regulador do sistema elétrico brasileiro.

Em caso de dúvidas, os consumidores podem entrar em contato com a Companhia por meio dos canais de atendimentos, como o aplicativo Cemig Atende, Agência Virtual no site da Empresa, telefone 116 na agência ou rede Cemig Fácil de cada cidade.

Prejuízos

Indignados, comerciantes da região, principalmente donos de supermercados, açougues e lanchonetes, registraram na polícia, boletins de ocorrência, sobre os prejuízos. Eles pretendem entrar na Justiça contra a empresa.

A Cemig não quis comentar o assunto.
 O fornecimento foi normalizado nesta terça-feira, por volta de 14h.

 A causa da queima do equipamento está em apuração.

Compensação

Ainda na nota divulgada à imprensa, a Cemig ressalta que automaticamente cada cliente prejudicado pela falta de energia será compensado na conta de energia nos próximos 60 dias pelo período que ficou sem energia, conforme determina a Agência Nacional de Energia Elétrica  (Aneel), órgão regulador do sistema elétrico brasileiro.

Em caso de dúvidas, os consumidores podem entrar em contato com a Companhia por meio dos canais de atendimentos, como o aplicativo Cemig Atende, Agência Virtual no site da Empresa, telefone 116 na agência ou rede Cemig Fácil de cada cidade.

Prejuízos

Indignados, comerciantes da região, principalmente donos de supermercados, açougues e lanchonetes, registraram na polícia, boletins de ocorrência, sobre os prejuízos. Eles pretendem entrar na Justiça contra a empresa.

A Cemig não quis comentar o assunto.

Fonte:Gazeta de araçuaí

Nenhum comentário:

Postar um comentário