Responsive Ad Slot

Vales de Minas

Vales de Minas

Cidades

Cidades

Folha dos Vales

Folha dos Vales

Saúde

Saúde

Brasil

Brasil

Região

Região

VIDEOS

videos

Galeria de Fotos

fotos

Chuva forte interdita BR - 367, no Vale do Jequitinhonha

Nenhum comentário


A BR-367, que liga Minas Gerais a Porto Seguro, no litoral da Bahia, foi interditada no trecho entre Jacinto e Salto da Divisa, no Vale Jequitinhonha. A interdição foi provocada por uma forte chuva, registrada na noite de quarta-feira (18). A força d'água arrancou as manilhas e o aterro sobre o córrego Piabanha. O trecho não tem asfalto.

 

Por meio de nota, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) informou que mobilizou equipes para sinalizar o trecho e realizar levantamentos para a implantação de um desvio provisório e para a construção de uma nova ponte na BR-367. O local fica distante 38 quilômetros de Jacinto e 18 quilômetros de Salto da Divisa.


O Dnit também divulgou uma opção de desvio para os motoristas que viajarem no sentido Araçuaí-Porto Seguro. Em Jacinto, eles deverão entrar pela MG-405, em direção a Santo Antonio do Jacinto (MG). Ao entrar no território baiano, terão que seguir pela BA-283, até Guaratinga (BA). Depois, pegam a BR-101 até a cidade baiana de Eunápolis, onde alcançam novamente a BR-367 para chegar em Porto Seguro.

  

O empresário Ernane Jardim de Miranda Machado, que lidera o movimento em prol da conclusão do asfaltamento da estrada, o “BR-367 Urgente”, afirma que o desvio vai aumentar em 160 quilômetros a viagem entre Araçuaí e Porto Seguro, cuja distância “normal” é de 360 quilômetros.

 

Ele diz também que a MG-405, indicada pelo Dnit para desvio, “está em péssimas condições”. Ernane salienta que a população do Vale do Jequitinhonha, há vários anos, luta pela conclusão do asfalto da BR-367, há muito tempo prometida pelos governos, mas que nunca sai do papel.

  

De acordo com o líder do movimento “BR-367 Urgente”, a rodovia tem 169 quilômetros sem pavimentação concluída, dos quais 105 são de terra e 64 quiômetros com um serviço paliativo de “pó de asfalto”.

Ele também critica o serviço feito na estrada sobre o córrego Piabanha, com o uso de manilhas. “O serviço com manilha não funciona quando há grande fluxo de água. Isso foi provado quando rompeu o desvio sobre o Rio Rubim, que foi feito com manilhas”, avalia.

 

Ernane lembra que os córregos da região permanecem secos durante o período de estiagem (abril a setembro). No entanto, durante as chuvas, os cursos d'água têm corredeiras muito fortes.


TRE faz convênio com Banco do Brasil para pagamento dos mesários

Nenhum comentário

 

Valor do benefício é de R$ 40 para cada dia de trabalho nas Eleições 2020

A Justiça Eleitoral firmou convênio com o Banco do Brasil para pagamento do auxílio-alimentação pelo aplicativo Carteira bB aos mesários que atuarem nas Eleições 2020 em 22 estados brasileiros, incluindo Minas Gerais. O valor do benefício é de R$40 para cada dia de serviços prestados (1º turno e 2º turno, onde houver).

O aplicativo, porém, não será usado em todos os municípios. Em 75 cidades (formato PDF), os mesários receberão o auxílio em dinheiro.

O pagamento pelo aplicativo Carteira bB será feito para os mesários dos outros 778 municípios. Nesses locais, o eleitor que atuar como mesário deverá baixar no celular o aplicativo Carteira bB, que é gratuito e está disponível para os sistemas operacionais Android e iOS.

Ele precisará fazer um cadastro utilizando um CPF válido e regular junto à Receita Federal. Feito isso, o usuário digitará um código, recebido por SMS, e criará uma senha pessoal.

A ativação do benefício também será bastante simples. No dia das eleições, o mesário receberá um código que será fornecido pelo TRE-MG e encaminhado pelo cartório eleitoral em que é cadastrado, para inserir em um campo próprio do aplicativo.

Após esse procedimento e a confirmação, pelos cartórios, de comparecimento do mesário aos trabalhos, o valor será automaticamente creditado na Carteira bB e estará disponível para uso.

Os créditos disponíveis no aplicativo do Banco do Brasil poderão ser utilizados das seguintes formas:

  • para efetuar pagamentos em todos os estabelecimentos que possuam a máquina CIELO, por meio de código QR;
  • para realizar transferências para qualquer conta corrente, de qualquer banco (a conta destinatária da transferência não precisa, necessariamente, ser de titularidade do mesário);
  • para resgate do valor em espécie junto a um terminal do Banco do Brasil.
    Os mesários substitutos, convocados nos dias próximos à eleição, e aqueles que não estiverem com o CPF regular ou que não tenham o CPF cadastrado no Elo, não conseguirão receber no dia das eleições. Eles receberão posteriormente, em data ainda não especificada.

Mais informações sobre o uso do aplicativo Carteira bB podem ser obtidas no site do Banco do Brasil.

Mesários

Em Minas Gerais, 177.352 mesários atuarão no primeiro turno das Eleições 2020. Neste ano, por causa da pandemia do novo coronavírus, eles foram treinados de forma virtual, em plataforma de ensino a distância do TSE, pelo aplicativo Mesários e também em reuniões por videoconferência organizadas por algumas zonas eleitorais.

Para garantir a proteção dos mesários, o TRE entregará a cada um três máscaras descartáveis, um protetor facial e um frasco de álcool em gel de 215ml, que serão utilizados no 1º turno de votação, no dia 15 de novembro.

Nas cidades onde houver segundo turno, serão entregues mais três máscaras no dia 29 de novembro, mas os mesários deverão utilizar o mesmo protetor facial e o frasco de álcool em gel.

Assaltantes levam dinheiro e objetos de passageiros de ônibus de turismo na BR-381

Nenhum comentário

 


Comerciantes da cidade de Caratinga viajavam em um ônibus de turismo, para fazer compras no estado de São Paulo, nesta semana, quando foram surpreendidos por um grupo de assaltantes. Eles estavam no ônibus que os levava para a capital paulista.

Na BR-381, próximo à cidade de Timóteo, no Vale do Aço, um dos integrantes do grupo anunciou o assalto. Os assaltantes levaram, só de uma passageira, onze mil reais, além de pegar celulares e alianças das vítimas. Um vídeo gravado no momento mostra o desespero de uma das vítimas.

A Polícia foi ao local, depois de ser acionada pelas vítimas. Um dos suspeitos foi encontrado pelos militares nas proximidades. Ele foi preso. O caso já está sendo investigado.

Fonte: Comando Geral

© Folha dos Vales - 2017 - 2020
Todos os direitos reservados.