Anúncio
Padrinhos

Cartinhas da campanha 'Papai Noel dos Correios' já podem ser retiradas

Interessados devem ir a na agência da avenida Governador Valadares, em Betim

08/11/2019 08h42Atualizado há 1 semana
Por: Redação
Foto Reprodução
Foto Reprodução

“Papai Noel, moro com minha mãe, que está desempregada. Gostaria de ganhar uma sandalinha, tamanho 22, e um vestidinho”. Esse é o pedido da pequena Letícia, 4, ao bom velhinho, dentre as milhares de cartinhas enviadas aos Correios que, há 30 anos, promovem a campanha social “Papai Noel dos Correios.

Faltando menos de dois meses para o Natal, o pedido dela e de outras crianças, que sonham em ganhar um presente especial na data, poderão ser retirados até o dia 29 de novembro, na unidade dos Correios em Betim, que fica na avenida Governador Valadares, 347, no centro. A agência funciona das 9h às 17h.

“Os presentes devem ser embrulhados e entregues pelos padrinhos nos pontos de entrega divulgados pelos Correios que, posteriormente, realizam a distribuição. Não é permitida a entrega direta do presente para a criança que fez o pedido”, explicou o gestor da agência dos Correios da avenida Governador Valadares, Fabrício Henrique.

Ao longo dos 30 anos, a ação dos Correios conseguiu atender o pedido de mais de 6 milhões de crianças em todo o Brasil. Em Minas, mais de 900 mil crianças já tiveram suas cartinhas atendidas pela campanha, nos últimos oito anos. Já em Betim, foram mais de 11 mil crianças beneficiadas no mesmo período.

Quem preferir, pode adotar cartinhas pela internet em 11 capitais: Belém, Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba Goiânia, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e região metropolitana de São Paulo. Para fazer a adoção online, basta acessar o blog da campanha e apadrinhar o pedido de uma criança.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários